Autor

21 de outubro de 2014

Estão a decorrer 306 concursos de colocação de professores em simultâneo

Não é preciso nenhuma fórmula XPTO para concluir que estão a decorrer, pelo menos, 306 concursos de colocação de professores em simultâneo.

Contas fáceis. 
Concursos a decorrer:

1- Concurso de colocação por Reserva de Recrutamento;

2- Concurso de Contratação de Escola ainda só para Técnicos Especializados (depois de aberto concurso para todos os grupos de recrutamento este foi literalmente apagado - aguarda-se reabertura). Pela tipologia do concurso cada horário leva a abertura de um concurso distinto;

3 a 306- Mais precisamente 304 são as escolas consideradas TEIP e/ou com Contrato de Autonomia com concurso aberto segundo o modelo de Bolsa de Contratação de Escola. Cada escola tem um concurso de colocação autónomo. 

Assim há, pelo menos, 306 concursos de colocação de professores a decorrer em simultâneo, pelo que um docente, teoricamente, pode ser colocado em, pelo menos, 306 escolas em simultâneo. Na prática "só" há registo de 95 colocações em simultâneo.

Novo record

"Rui, que foi notícia por ter ficado colocado simultaneamente em 75 escolas, bateu esta segunda-feira o recorde. Até ao fim do dia recebeu 95 mensagens do Ministério da Educação a oferecer-lhe horários. Até que consiga recusá-los, ninguém entra para o seu lugar e os alunos continuam sem professor"

14 de outubro de 2014

Acabou a Reserva de Recrutamento?

Lavar as mãos como Pilatos

Ministério passa para as escolas a responsabilidade de colocar os professores

Mais uma pérola...

"Nuno Crato continua a defender a Bolsa de Contratação de Escola (BCE), uma vez que entende que esta permite às escolas TEIP (Territórios Educativos de Intervenção Prioritária) e com contrato de autonomia definirem critérios para a contratação dos docentes. Crato frisa que não se deve confundir os “erros” que aconteceram com o “processo” em causa, que não se deve “confundir a parte pelo todo” e que os erros “não comprometem todo o processo”. Ou seja, embora admitindo que o processo pode ser “melhorado”, Crato insiste que a BCE é um modelo preferível a uma lista única com base na graduação profissional, pelo menos no que respeita àqueles dois tipos de escolas."

E faz tão bem...


De regresso.

Quase oito meses depois de ter tomado a decisão de suspender o blogue, as publicações regressam.